Detectando ondas gravitacionais do The Spacetime Ripples

By Gustavo Scafuro - abril 06, 2018


O The Spacetime Ripples (ex-Tempo Plástico) é um grupo de Belo Horizonte que pratica um sonoridade híbrida stoner/grunge, e que acaba de lançar seu debut Legend of Creation nas principais plataformas digitais. O grupo formado por Fabio Gruppi (voz), Claudio Moreira (guitarra), Luciano Porto (baixo) e Saulo Ferrari (bateria), ganhou rodagem no ano passado fazendo shows e participando de festivais independentes nos EUA. Totalizaram 23 apresentações em 20 cidades durante 45 dias de estrada, e agora de regresso ao Brasil, se preparam para promover a novidade em show de lançamento em sua cidade natal no mês de Junho. O álbum foi gravado no Wah Wah Studio em São Paulo, produzido e mixado por Michel Kuaker, e posteriormente masterizado por Carl Saff (Red Fang, Fu Manchu) nos EUA.

The Spacetime Ripples e seu motor-home em tour nos EUA

O MOM já ouviu o álbum na íntegra e recomenda, principalmente para quem não teve dificuldades em digerir bandas secundárias da era grunge, tais como Bush e Silverchair, e igualmente aprecia um bom riff "sabático" e letras "chapadas". O título do álbum é uma alusão a teoria de Albert Einstein, o ilustre físico que sugeriu uma nova relação com o tempo, onde presente, passado e futuro coexistem. Na prática, é possível observar tal fenômeno através da música, como demonstra este jovem grupo mineiro, que inspirado por heróis do passado, finca pé no presente através de sua jornada, sempre de olho no futuro do rock'n'roll. Destaques: "Legend of Creation", "Freedom Fight", "High All The Time" e "Fool On Fire". Confira abaixo no player do bandcamp do The Spacetime Ripples.

  • Share:

You Might Also Like

0 comments